Vinho em Deuteronônio 14:26

Lendo Deuteronômio 14:26, fiquei com uma dúvida: sei que a Bíblia fala sobre bebida forte, mas esse texto dá a entender que está liberado. Por quê? – K.

A palavra “vinho” em Deuteronômio 14:26 é yaîn, e pode significar tanto vinho com álcool quanto sem álcool. Mas como está associado à “bebida bibliaforte” (shekar), deve ser com álcool mesmo. O fato é que Deus pegou os israelitas e os tirou da escravidão do Egito, onde eles bebiam o que o patrão egípcio lhes dava, incluindo bebida fermentada. Assim, Deus tolerou o uso de bebidas fermentadas. Mas os profetas falaram contra esse tipo de bebidas (cf. Provérbios 20:1 e Habacuque 2:15). Como “a vereda do justo é como a luz da aurora, que vai brilhando mais e mais até ser dia perfeito”, era plano de Deus que, com o tempo e com mais esclarecimentos, Seu povo deixasse as bebidas alcoólicas. (Para maiores comentários, pesquise o texto no Comentário Bíblico Adventista).

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s